O Guia Mulheres na Cidade já existe – e ele é nosso!

Fernanda Carpegiani

Quando começamos a sonhar o Guia Mulheres na Cidade, em dezembro de 2018, tudo era muito incerto. Tínhamos ideias mil, mas nenhum caminho concreto a seguir. Aos poucos, o desejo de mapear iniciativas para mulheres em São Paulo foi ganhando forma e corpo.

Entre março e abril de 2019, nos conectamos com outras organizações e pessoas que acreditam na importância de um projeto como esse. Em seguida, formamos um time de produção e criação do Guia Mulheres na Cidade. Entraram para a equipe a escola e agência de jornalismo Énois, a revista digital AzMina e o coletivo Sampapé.

Ao mesmo tempo, chamamos o Papo de Homem para mapear projetos que estimulam masculinidades positivas em São Paulo. E a publicação será toda ilustrada pela artista gráfica e arquiteta Catarina Bessell, que reflete sobre as mulheres e suas representações sociais. Além disso, temos a jornalista Malu Echeverria cuidando da divulgação do projeto, a Juliana Marques na revisão e a Desformatados na produção gráfica.

Crowdfunding do Guia Mulheres na Cidade

O primeiro passo para a realização desse sonho aconteceu bem no Dia Internacional do Trabalho. Lançamos a campanha de financiamento coletivo do guia em 1 de maio de 2019. E durante dois meses trabalhamos na divulgação, circulação e captação de recursos com pessoas e empresas.

Mais do que bater a meta de R$ 88.824, nosso objetivo com esse crowdfunding era colocar o Guia Mulheres na Cidade no mundo. Ou seja, testar a nossa ideia. O resultado foi incrível e muito positivo. Recebemos dezenas de mensagens de apoio, ganhamos destaque na mídia e iniciamos conversas importantes com empresas e pessoas interessadas em participar da construção do projeto. Rolou até um happy hour no Eugênia Café Bar com drink especial Mulheres na Cidade!

View this post on Instagram

🍸A gente sabe que a grana tá contada, mas sempre dá para tomar um drink ou dois e digerir a semana, né não? Então venha brindar e conhecer mulheres maravilhosas com a gente! 👯‍♀️ Essa é a última semana do nosso crowdfunding para fazer o guia Mulheres na Cidade e, para comemorar, na quinta-feira o @eugeniacafebar recebe o Happy Hour Mulheres na Cidade. Vamos conversar, beber, criar conexões entre mulheres e, é claro, mobilizar recursos para a produção e divulgação do Guia Mulheres na Cidade. 🥳 E VAI TER DRINK PROMOCIONAL, VIU, MINHA GENTE? Com lucro revertido para o Guia Mulheres na Cidade e tudo, assim você apoia o guia com o copo na mão! Tim-tim! 🍹 Para quem não conhece, esse projeto maravilhoso vai mapear espaços para mulheres em São Paulo. E tem uma equipe linda por trás: nós do @formigame, @revistaazmina, @enoisconteudo, @sampapesp, @papodehomem, @catarinabessell e @desformatados. 💃🏾 Saiba tudo em www.mulheresnacidade.com.br (link na bio) 👇👇👇 Vale dizer também que o Eugênia é um estabelecimento que homenageia e só contrata mulheres, do balcão à cozinha. É muito amor! ❤️ Então venha conhecer mulheres incríveis, rebolar na cara do patriarcado, ajudar o Guia Mulheres na Cidade e tomar uns bons drinks!

A post shared by Formiga-me (@formigame) on

Próximos passos do guia

Estamos muito felizes com tudo o que conquistamos nos últimos dois meses. E seguimos otimistas com o caminho que já estamos trilhando juntas e juntos. Por isso, só temos a agradecer todo mundo que curtiu, compartilhou, apoiou (moral ou financeiramente) e, acima de tudo, acreditou e acredita no Guia Mulheres na Cidade. Ele já existe, e esse é só o começo.

Os R$ 9.008 arrecadados no nosso financiamento coletivo vão ajudar muito nos próximos passos – que já estão sendo dados! Então continuem acompanhando as nossas redes (Instagram e Facebook), se inscrevam na nossa newsletter, e tenham a certeza de que esse projeto é de todos nós.

Seguimos sempre abertas a ideias, parcerias e contatos de todos os tipos. Tem algo para compartilhar, dizer, perguntar, questionar ou contribuir? Escreva para nós em contato@formiga.me! E logo mais começa o mapeamento do guia!

Se você tem alguma sugestão de espaço voltado para mulheres ou masculinidades saudáveis, sua indicação é mais do que bem-vinda. Fizemos um formulário para organizar essas indicações.

Vem fazer o Guia Mulheres na Cidade com a gente!

Deixe um Comentário

Participantes da terceira roda de conversa mulheres na cidade discutiram a utopia de uma cidade para mulheres